sábado, 2 de abril de 2016

Qual o tamanho de Deus?

"Um garoto perguntou ao pai: Qual o tamanho de Deus? Então ao olhar para o céu o pai avistou um avião e perguntou ao filho: Que tamanho tem aquele avião? O menino disse: Pequeno, quase não dá para ver. Então o pai o levou a um aeroporto e ao chegar próximo de um avião perguntou: E agora, qual o tamanho desse? O menino respondeu: Nossa pai, esse é enorme! O pai então disse: Assim é Deus, o tamanho vai depender da distância que você estiver dele. Quanto mais perto você está dele, maior Ele será na sua vida..!!!

Constante Oração

Lucas 18:7    Não fará Deus  justiça  aos seus escolhidos, que a ele clamam dia  e noite, embora pareça demorado em defendê-los?
Marcos 1:35    Tendo-se levantado alta madrugada (primeira hora do dia de cada um), saiu, foi para um lugar deserto e ali orava.

Tudo, tudo o que fizermos, precisamos estar em constante oração e comunhão com Deus. Oração não é somente aquela que fazemos ajoelhados, mas aquela quando estamos no carro, no meio do transito, no trabalho, com a família, com os amigos, na escola ou faculdade, quando estamos com raiva ou contentes, tristes ou alegres, na pobreza ou riqueza, saúde ou doença. Enfim, é o constante lembrar que Jesus está ao nosso lado 24 horas por dia, esperando nos confortar, nos ajudar, nos dar presentes ou nos abraçar enquanto choramos, nos impedir de cometer atos que irão me enfraquecer ou me desviar do caminho para o céu e do seu lado. Se lembrarmos por 5 segundos de cada minuto de nosso dia que Jesus me ama e quer me ajudar, tudo será bem mais fácil. Um simples: “Oi Jesus, me ajuda a te obedecer, porque isso faz bem pra mim”, do fundo do coração, é poderoso para me ajudar a manter comunhão com Jesus. Se você está triste, diga: “Jesus, eu estou triste, me abraça e me ajuda”. Se você está atrasado e no transito diga: “Jesus, estou atrasado e nesse transito, me ajuda”. Se o seu amigo te convidou para fazer algo que você sabe que não deve, diga: “Jesus, o Senhor sabe que sou fraco, me ajuda”. E assim por diante.

Ele sabe que tudo o que precisamos, então por que pedimos? 

Precisamos reaprender a manter contato com Deus.

Seja Forte, Sábio, Inteligente, Influencie o pecador (nunca seja influenciado por ele), Converse com o seu General pela manhã, antes do café da manha, Ele quer estar com você na batalha do dia, “Estude” o manual (A Bíblia) também antes do café da manhã, tome somente um copo de água antes, para que seu estomago não fique pesado, deixando pouca energia ao cérebro para o estudo profundo da bíblia (isso é comprovado cientificamente e espiritualmente). Comece por Mateus (pois é um livro mais fácil), estude um capitulo por dia (somente um), cada versículo você vai perguntar: “Porque”, se não houver resposta, passe para o próximo, isso irá te ajudar a extrair o máximo do que cada versículo quer lhe apresentar. Marque com uma caneta, grife, coloque aspas, escreva comentários do versículo em sua bíblia, lembre-se: você está estudando. No final do capitulo faça a pergunta: “O que esse capitulo quer me ensinar hoje?”, você pode obter a resposta na hora ou durante o dia, de um jeito ou de outro a resposta virá. 
Mateus 5:14 Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; 
Mateus 5:15 nem se acende uma candeia  para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. 
Mateus 5:16  Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus. 
João 8:12  " De novo, lhes falava Jesus, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida."

Fonte: advir.com/históriasbíblicas

domingo, 22 de novembro de 2015

O Bom Samaritano

Demonstrando Amor


Para saber mais, leia: 

Lucas 10:25-37

Você vai precisar de: 

Rostinhos. - Prepare círculos com um rostinho alegre de um lado e um rostinho triste do outro para cada criança – podem ser feitos de pratos descartáveis, com o rosto desenhado em pincel atômico ou de círculos de cartolina também desenhados. A seguir, cole-os em palitos de picolé. As crianças devem ser orientadas a levantar o rostinho alegre, sempre que um personagem fizer a escolha certa, e levantar o rostinho triste, quando o personagem fizer a escolha errada. A pessoa que estiver contando a história também deverá ter um modelo para que as crianças acompanhem.

Mensagem:

Fazer o bem alegra o coração de Deus.

Hora da História:

Hoje temos uma linda história para contar. Quem contou esta história pela primeira vez foi Jesus.

Um homem estava descendo de Jerusalém para Jericó. No caminho, alguns ladrões o assaltaram, tiraram tudo o que tinha, até a sua roupa; bateram nele e o deixaram quase morto. Como eles foram maus, não é mesmo? (Nesse momento, a pessoa que estiver contando a história ergue o rostinho triste e todas as crianças deverão imitá-la).

Depois de algum tempo, um sacerdote estava descendo por aquele mesmo caminho. Quando viu o homem caído à beira da estrada, tratou de passar pelo outro lado. Não queria nem chegar perto para não se comprometer. Esse sacerdote não fez a escolha certa e não demonstrou amor pelo seu próximo! (Erguer o rostinho triste).

Não demorou muito, e um levita, uma pessoa que trabalha no templo, passou por ali. Olhou de longe e também foi embora, pelo outro lado da estrada. Esse também não havia aprendido a amar o seu próximo. (Mostrar novamente o rostinho triste).

Um pouco mais tarde, um samaritano, que estava viajando por aquele caminho, chegou até ali (samaritanos eram pessoas que moravam na cidade de Samaria e não eram bem vistas pelos judeus). Quando o samaritano viu o homem, ficou com muita pena dele. (Erguer o rostinho alegre e mantê-lo erguido até o final).

Foi até onde estava o homem ferido, limpou seus ferimentos com azeite e vinho para desinfetar e em seguida os enfaixou. Depois disso, o samaritano colocou o homem no seu próprio animal e o levou para uma pensão, onde cuidou dele toda a noite.

No dia seguinte, entregou duas moedas de prata ao dono da pensão, dizendo: “Tome conta dele. Quando eu passar por aqui na volta, pagarei o que você gastar a mais com ele”.

Depois de ter contado essa história, Jesus perguntou a um professor da Lei que O estava ouvindo:

- Na sua opinião, qual desses três homens foi o próximo do homem assaltado?

- Aquele que o socorreu! – respondeu o professor da Lei. E Jesus acrescentou:

- Pois vá e faça a mesma coisa!

Vamos orar e pedir que Deus nos ajude a sermos bondosos e a estarmos sempre prontos a ajudar as pessoas que necessitam de nosso amor e cuidado.

Creditos a:  http://www.jesusnosama.com.br/